rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
COLUNA PATRIMÔNIO HISTÓRICO
Leonardo Ladeira ladleo@gmail.com
Balneário paradisíaco em pleno Caju

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico

Imagine um solar de nove cômodos e alpendre situado ao centro de uma chácara. Próxima à casa, uma praia de águas limpas e cristalinas, e areias brancas e de poder medicinal.

Acredite se puder: a praia em questão é a que banhava o bairro do Caju, localizado na Zona Portuária do Rio e hoje conhecido por abrigar vários cemitérios.

É difícil visualizar atualmente este paraíso, mas segundo o cronista C. J. Dunlop, do Rio Antigo, "O Caju era uma região belíssima, de praias com areias branquinhas e água cristalina, onde não era rara a visão do fundo da Baía, tendo como habitantes comuns os camarões, cavalos-marinhos, sardinhas e até mesmo baleias".

Os banhos de D.João

O solar do Caju, de propriedade do negociante de café Antonio Tavares Guerra, foi visitado em determinado período por D.João VI, que, a conselho médico, procurou as águas do Caju para se curar de uma mordida de carrapato na perna.

Como o monarca era notoriamente avesso a qualquer tipo de contato com o elemento água, só aceitou tomar o banho curativo da Praia do Caju se fosse pendurado em uma espécie de tina, que permitia que apenas suas pernas se molhassem.

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico

Tão logo D.João se viu curado da ferida, deixou de freqüentar a paradisíaca praia. No entanto, a Chácara Imperial Quinta do Caju ficaria para sempre conhecida como "Casa de Banhos de d.João VI".

Em 1938, a velha casa, construída em data desconhecida em estilo colonial brasileiro, foi tombada pelo IPHAN. Contudo foi ocupada e apenas em 1961, no governo de Carlos Lacerda, ela voltaria a ser desapropriada. Uma vez vazio, o casarão foi praticamente abandonado e esteve em vias de ruir em vários momentos. Em 1979, o então diretor da Fundação Rio, o escritor Rubem Fonseca, sugeriu que a casa se transformasse em centro de artesanato, idéia que nunca vingou.

Restauração e Museu da Limpeza Urbana

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico

Em 1985, a SPHAN finalmente deu início às obras de restauração do imóvel, com o objetivo de aproximar o solar à sua feição original. Dois anos depois foi concluída a reforma do telhado e a Casa de Banhos ganhou festa de inauguração, com exposição fotográfica sobre o bairro do Caju e shows de rock e forró.

Mas ainda não seria desta vez que a velha casa deslancharia. Em 1988, de novo abandonado, o imóvel foi ocupado por uma família de 10 membros.

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico

Em 1996, a casa foi finalmente restaurada, com financiamento da COMLURB em parceria com a Região Administrativa da Zona Portuária. Hoje funciona no imóvel o Museu da Limpeza Urbana, vinculado à COMLURB, que criou um espaço para ações educativas, culturais e de lazer, como exposições, seminários, espetáculos musicais, teatrais e de dança, audiovisuais, fóruns de debates, interações escolares e comunitárias. O museu apresenta os primeiros uniformes desenhados para garis, equipamentos utilizados para recolher o lixo, miniaturas de veículos e de carruagens, entre outros objetos.

O mar que anteriormente chegava a dez metros da casa está hoje a mais de 1 km distante, separado por muros. Inúmeros aterros e a construção da Ponte Rio-Niterói e seus acessos afastaram o mar da casa definitivamente. As águas da antiga praia de D.João hoje certamente não apresentam mais poderes curativos e sim muita poluição da Baía de Guanabara. A região em volta do solar, anteriormente repleta de cajueiros, está cercada hoje por containers e estaleiros.

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico



Casa de Banhos de D.João VI - Museu da Limpeza Urbana
Praia do Caju, 385.
O espaço encontra-se geralmente fechado à visitação interna!
Aviso: Antes de fazer uma visita, telefone para saber se o espaço está aberto.
Telefone: (21) 3890-6027 ou 3890-6021

rioecultura : Casa de Banhos de D. João VI : Coluna Patrimônio Histórico



Fotos: Leo Ladeira.
Fontes de Consulta:
DUNLOP, C.J. Rio antigo. RJ: Gráfica Laemmert, 1956.
Site Museu da Limpeza Urbana
Acervo Leo Ladeira
Wikipédia
compartilhe subir a página
Postagens

Julio Biar [MPB]

Leo Ladeira [Patrimônio Histórico]

Marcelo Aouila [Teatro]

EXPOSIÇÃO
destaque

rioecultura : EXPO A mãe contempla o mar [Cristina Salgado] : Laura Marsiaj Arte Contemporânea
A mãe contempla o mar [Cristina Salgado]
Relação completa de Exposições
EVENTOS
destaque

Relação completa de Eventos

Divulgue
 

Seu nome:

Comentário:

Observação:
Verifique o texto antes de enviá-lo, pois não será possível modificá-lo ou apagá-lo após o registro.


Como se abandona o patrimônio histórico no Brasil! Ainda bem que conseguiu sobreviver e está de novo restaurado. Vale muita divulgação para que a população conheça a casa de banhos. Sempre é bom aprender com o passado. Parabéns ao site, Célia Mota
  Postado por: Celia Maria L. Mota
  em: 2011-02-26 18:41:53

Passava pelo viaduto e a curiosidade grande pela placa casa de banho. É importante manter a história do nosso passado presente. Valeu pelo o conteúdo do site, para aquele que quer saber.
  Postado por: Joana Angélica
  em: 2011-05-18 23:19:48

Passei estes dias próximo ao cemitério do caju e vi uma placa indicando a Casa de Banhos e fiquei muito curiosa e essa matéria me surpreendeu, pois sou carioca passo sempre pelo acesso a ponte, mas não imaginava que ali tinha um local que guardava parte tão importante de nossa história. Precisamos divulgar e conhecer mais. Parabéns ao site!
  Postado por: L . Amorim
  em: 2011-06-24 17:28:29

Antes das "reformas"que empobreceram o ensino, aprendia-se fatos pitorescos e curiosidades históricas em aulas de história. Hoje prédios e monumentos estão escondidos e nem se ouve falar. Parabenizamos aos amigos pela lembrança.
  Postado por: Carlos Ruperti
  em: 2011-07-05 11:48:55

Obrigado a todos pelos parabéns!!!
  Postado por: Leo Ladeira
  em: 2011-07-05 12:03:50

Obrigada pela aula, pois passei pelo viaduto e vi a placa sinalizando casa de banhos, fiquei muito curiosa pois não tinha conhecimento desta parte de nossa história. Resolvi pesquisar na internet e fiquei impressionada com o conteúdo do site . Parabéns
  Postado por: Rosemeri
  em: 2011-07-06 20:12:55

Obrigado por suas palavras, Rosemeri!
  Postado por: Leo Ladeira
  em: 2011-07-07 17:27:33

A historia se repetiu comigo, a placa no viaduto desperta a curiosidade e vamos pesquisar na internet... muito interessante o conteudo do site, bastante esclarecedor, parabens.
  Postado por: Salete
  em: 2011-07-31 00:01:24

moro na região e não sabia da estoria vou visitar com meu filho um abç...
  Postado por: franc robson
  em: 2011-09-27 16:42:40

Parabéns pela iniciativa de preservar nossa memória. Seria interessante se pudessem colocar no site fotos,caso tenham, daquela época. Um abraço, Carla.
  Postado por: Carla Cristina
  em: 2011-10-15 11:56:38

Parabéns à COMLURB por ajudar a preservar a história do nosso país. Uma vaia aos nossos governantes que insistem em abandonar o meio ambiente e nada fazem para despoluir a Baía de Guanabara.
  Postado por: Katia Ayres
  em: 2011-10-23 13:20:52

A placa atiça a curiosidade. O site nos aproxima de nosso passado . A memória cultural de um povo é sua maior riqueza. Farei uma visita e divulgarei aos amigos. Obrigada.
  Postado por: ivanete veloso
  em: 2011-12-01 15:54:33

Moro no Rio há 37 anos e nunca tinha ouvido falar desta casa de banhos. Realmente não valorizamos nosso patrimonio. Passei por acaso no local e vi a placa indicativa. Localizei o site e achei maravilhosa a iniciativa da restauração. Parabéns
  Postado por: Janete Poltronieri
  em: 2012-01-27 09:06:54

PRECISAMOS DE DIVULGAÇÃO DO NOSSO PATRIMÔNIO HISTÓRICO. PARABÉNS PELA INICIATIVA DA RESTAURAÇÃO E DIFUSÃO DO SITE PASSAMOS PELO CAJU E MINHA FILHA DE 8 ANOS FICOU CURIOSA PARA SABER SOBRE O QUE ERA A CASA DE BANHOS NÃO CONSEGUIMOS RESPONDER AGORA PENSAMOS ATE EM VISITA-LA.
  Postado por: renan
  em: 2012-02-24 23:25:11

Parece que a maioria teve a mesma curiosidade ao passar pelas placas na Av. Brasil. Muito bacana a explicação.
  Postado por: Gleice
  em: 2012-03-12 18:00:32

Parece que a maioria teve a mesma curiosidade ao passar pelas placas na Av. Brasil. Muito bacana a explicação.
  Postado por: Gleice
  em: 2012-03-12 18:00:33

Eu como muitas outras pessoas passava por ali e via a placa que me chamava muita atenção, então resolvi procurar na internet e saber do que se tratava e encontrei esse site e fiquei muito impressionada quando soube que ali que hj é um lugar tão feio pois é perto dos cemitérios, antigamente era um lugar bonito e acolhedor. Que pena que nesse país a história seja sempre esquecida.
  Postado por: Carla Gomes
  em: 2012-03-20 02:05:37

gostei muito de saber pois tambem ficamos muito curiosos com esta placa agora estamos com outra curiosidade conhecer esta casa de banho. iremos nos programar para conhecer. parabéns por divulgar um pouco da nossa histria
  Postado por: edinho/odete
  em: 2012-04-01 22:56:08

Sempre passei pelo caju com destino a Niteroi e olhava a placa da Casa de Banhos e nunca poderia imaginar que se tratava de um lugar especial. Obrigado pela aula de cultura
  Postado por: Francisco Gomes
  em: 2012-04-07 14:29:41

ja fui 2 vezes com meu marido e minha filha para conhecer a casa de banho de d.joão e qual foi minha surpresa,ta fechada sem nenhum aviso de que havia uma reforma .mandei varios emails pra comlurb que fica falando que esta em obras,mas nao tem placa e nem avisa quando sera o termino pra que possamos visitar.obrigada e dico aguardando mas uma vez uma resposta.
  Postado por: monica beatriz de fatima barbosa da silva
  em: 2012-04-14 14:34:15

sr francisco gomes seria uma aula se a casa de banho d.joão VI estivesse aberta mas como tudo no rio de janeiro as autoridades so se preocupam com coisas mais importantes a casa esta fechada e dizem ainda que esta em reformas.não tem placa e ninguem atende o telefone quando ligo pra la.adoro cultura principalmente sobre a familia imperial brasileira.tento passar pra minha filha de 15 anos um pouco de cultura mas ta dificil.
  Postado por: monica beatriz de fatima barbosa da silva
  em: 2012-04-14 14:39:23

ao igual que todos, sempre passo pelo viaduto e veio o letreiro de CASA DE BANHOS....até que por fim procurei na net e contrei este site. obrigadisimo pela informação
  Postado por: omar a f pérez
  em: 2012-04-19 18:49:06

Em minha infância fui vizinho desse patrimônio histórico. Em meu tempo foi ocupada simultaneamente pela "Oficina do Durval" e pela família a que o texto faz referência cujos membros conheci.Eram tempos em que a preservação de nosso patrimônio não contava com a atenção devida do poder público e, por isso, a casa estava bastante degradada.
  Postado por: Mário de Oliveira Pinheiro
  em: 2012-04-28 03:31:38

Também, devido à curiosidade sobre o que significava a referencia na placa sobre a "Casa de Banhos", decidí pesquisar e me impressionou o que descobrí. Fico feliz em saber que nossa história foi redescoberta naquele local. Gostaria de sugerir que a referência na placa fosse alterada para "Museu Casa de Banhos", pois assim seria mais culturalmente/históricamente identificável, aos que, como eu, leigos acerca do assunto até então. Parabéns a nossa cultura, à nossa história.
  Postado por: Artur Pereira Freitas
  em: 2012-05-16 13:36:30

O POVO MERECE RESPEITO ESSE MUSEU ESTA FECHADO PARA OBRA E O SITE Ñ AVISA SOBRE O FECHAMENTO E FAZ O TURISTA IR ATE O MUSEU E ESTANDO O RIO COM EVENTO SOBRE O LIXO E PRESERVAÇÃO AO MEIO AMBIENTE O MUSEU CHAMA ATENÇÃO .
  Postado por: ROSANGELA
  em: 2012-06-11 09:42:14

Caros amigos, quando fizemos a matéria, a Casa estav aberta, mas nossos leitores têm informado que a mesma se encontra fechada há meses. Esperamos sinceramente que essa situação mude em breve!!!
  Postado por: Leonardo Ladeira
  em: 2012-06-13 11:21:37

eu sempre passo pela avenida brasil e vejo a placa indicando essa casa de banhos de dom joão e e incrivel que no bairro do caju a agua da baia fosse tao limpa a ponto de ser considerada medicinal esa historia e incrivel
  Postado por: max sandro barbosa eleuterio
  em: 2012-06-17 00:58:39

Se o Rei amigo do povo Carioca não passaçe por ali,certamente não mais existiria o prédio. 1913 bi centenário de falecimento do Mestre Valentim ...acordem. rioantigo1911@r7.com
  Postado por: sidney braga
  em: 2012-08-06 16:05:39

Esclarecedor o conteúdo do site. poderei contar a história a todos que tem curiosidade sobre o fato. Já fui indagada por familiares e alguns visitantes da cidade. Agora já possuo informação suficiente para passar.
  Postado por: Regina Caetano
  em: 2012-10-16 08:51:33

Interessante a história da casa. Muito importante para o contexto histórico brasileiro.
  Postado por: Patrícia Nascimento
  em: 2012-10-29 02:46:11

Atenção, pessoal, foram divulgados os telefones do Espaço: tel. 3890-6027 / 6021. É conveniente ligar antes de ir lá fazer a visita!!!
  Postado por: Leo Ladeira (Coluna Patrimônio Histórico)
  em: 2012-11-20 08:14:47

Sempre que passava pelos viadutos da região, eu perguntava ou era perguntado a respeito do que seria essa CASA DE BANHOS! Resolvi procurar no Google e cheguei a este site. Surpresa!!! Parabéns pelas informações tão ilustrativas. Não seria o caso de se trocar as placas por umas que incluissem o nome do MUSEU?
  Postado por: Luiz Francisco Gualda
  em: 2013-06-10 10:47:49

FOI VOLTANDO DE UM E NTERRO , IMAGINEM NUM SINAL DE TRANSITO DEPAREI COM UMA PLACA: CASA DE BANHO . BATEU CURIOSIDADE, ENTREI NO GOOGLE E ALÉM DE SATISFAZER A CURIOSIDADE, ADOREI!!! PARABENS , AMEI O SITE !!! CULTURA SEMPRE É BEM VINDA !!!
  Postado por: MARIA LUIZA ASSIS
  em: 2013-06-26 00:14:59

vc aprende muita coisa sobre o que aconteceu naquela epoca com a corte portuguesa
  Postado por: thayná araujo
  em: 2013-12-03 21:38:53


Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem:

Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura