rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
EVENTOS
VOLTAR
[ cinema | vídeo ]
[01 a 20.02.11]
Luc Moullet, Cinema de contrabando

cinema | vídeo :  [01 a 20.02.11] <br>Luc Moullet, Cinema de contrabando
Local: Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB Rio)
Rua Primeiro de Março, 66
Centro
(21) 3808-2020
Data: de 1 a 20 de fevereiro de 2011
Hora: veja programação
Valor: CINEPASSE: R$10 [inteira]
R$5 [meia], válido por 30 dias, para acesso às mostras de cinema (Cinemas 1 e 2), por meio de senhas, e à videoteca, por meio de agendamento. As senhas deverão ser retiradas 1h antes de cada sessão.
Classificação etária: veja programação
Atenção: os horários e a programação podem ser alterados pelo local sem aviso prévio. Por isso, é recomendável confirmar as informações por telefone antes de sair.
compartilhe
Luc Moullet, Cinema de contrabando

Um dos expoentes do movimento da Nouvelle Vague, conhecido por seu cinema bem humorado, de temática anti-autoritária e de estética inovadora influenciada pelos filmes B norte-americanos, o diretor e crítico francês Luc Moullet ganha retrospectiva completa de sua obra.

Diretor admirado por nomes como Jean-Luc Godard, Jean-Marie Straub, Claire Dennis, Raoul Ruiz e Carlos Reichenbach, Moullet – que se declara fã dos trabalhos do brasileiro Jorge Furtado – acompanha o evento e participa de encontros com o público, agendados para os dias 12/02 (sábado).

Patrocinado pelo Banco do Brasil, o evento exibe 41 títulos dirigidos por Moullet, inclusive os recentes e inéditos no Brasil “Cada Vez Menos”, “Obra-Prima?” e “Equilíbrio e Cegueira”, todos curtas-metragem de 2010.

O cineasta causou sensação no Festival de Cannes de 2009 ao apresentar "A Terra de Loucura", um tratado sobre as relações entre a loucura e a região francesa dos Alpes do Sul, terra de origem do cineasta. Segundo ele, local que teria mais loucos assassinos ou suicidas do que outros territórios similares.

Ainda em Cannes, em 1987, seu “A Comédia do Trabalho” foi vencedor do Prêmio Jean Vigo, uma premiação concedida a jovens diretores (detalhe: Moullet tinha 50 anos à época). Contando no elenco com Roland Blanche, Sabine Haudepin, Henri Déus e Antonietta Pizzorno - esposa do cineasta, que o acompanha na visita ao Brasil -, o longa conta a história de uma funcionária da ANPE (Agência Nacional Pelo Emprego) que se apaixona por um desempregado profissional e tenta a todo custo encontrar um emprego para ele.

O mesmo Festival de Cannes havia destacado outro título seu, “O Sistema Zsygmondy”, que recebeu em 2001 menção do Prêmio Kodak de Curta-Metragem. No filme, duas jovens andarilhas querem passar a noite num abrigo, mas só encontram uma vaga.

Em 1979, “Gênese de Uma Refeição” causou repercussão na Quinzena dos Realizadores de Cannes ao utilizar uma lata de atum, um omelete e uma banana para investigar a exploração econômica dos países pobres pelos mais ricos e industrializados.

Considerado por alguns críticos como o melhor filme a respeito da cinefilia de todos os tempos, “As Poltronas do Cine Alcazar”, de 1989, se passa em um cinema de bairro cuja programação eclética permite que um pequeno grupo de fanáticos se reúna para cultuar de filmes épicos a Michelangelo Antonioni. No elenco estão Olivier Maltinti, Élisabeth Moreau, Micha Bayard e Dominique Zardi.

A programação inclui também “O Homem da Ravina” (2001), no qual o diretor Gerard Courant acompanha Moullet aos Alpes do Sul, na França, apresentando alguns dos maravilhosos e selvagens sets do diretor.

A pedido de Moullet, o evento projeta um de seus filmes favoritos, a produção norte-americana de 1949 “Vontade Indômita”, tema do livro que publicou em 2009 “Le Rebelle de King Vidor - Les Arêtes Vives”. Dirigido por King Vidor (1894-1982), o longa tem no elenco os astros Gary Cooper e Patricia Neal e focaliza um jovem arquiteto idealista que deseja realizar um trabalho inovador e sem interferências, mas encontra resistência por parte do articulista de um jornal que prefere apoiar medíocres e manipuláveis.

A retrospectiva destaca ainda “Brigitte e Brigitte”, longa de 1966 sobre duas jovens provincianas em Paris que conta com participações dos cineastas Samuel Fuller, Claude Chabrol, Eric Rohmer e André Téchiné. A origem das protagonistas desse filme é documentada no curta “Terras Negras” (1961), presente na programação.

Os conhecidos atores Jean-Pierre Léaud e Jean Valmont estão em “Uma Aventura de Billy The Kid” (1971), “um dos raros filmes surrealistas franceses”, segundo o cineasta Jean-Marie Straub.

Considerado um autêntico filme B, “As Contrabandistas” (1967), com Françoise Vatel, Monique Thiriet, Johnny Monteilhet, aborda uma jovem desiludida com a cidade grande que parte para o contrabando na fronteira.

Já “Anatomia de Uma Relação” (1975), estrelado pelo próprio Moullet e por sua esposa Antonietta Pizzorno, é ficção documental sobre a sexualidade de um casal logo após 1968.cSOBRE LUC MOULLET

Nascido em Paris em 1937, Moullet acumula também destacada atividade como crítico, iniciada aos 18 anos de idade na prestigiosa revista Cahiers du Cinéma. Seus textos são reconhecidos como fundamentais para a Nouvelle Vague e os novos cinemas que eclodiram nos anos 1960 em países como a ex-Tchecoslováquia, Hungria, Brasil e Polônia, entre outros. Seu trabalho crítico aborda diretores como Fritz Lang, Cecil B. DeMille, Jean-Luc Godard, Gerd Oswald, Miklós Jancsó e Catherine Breillat.

Autodefinido como um cineasta cômico, Moullet é considerado herdeiro de Jacques Tati, pela percepção visual e sonora, e de Alfred Jarry, por sua capacidade de oscilar no absurdo. O cineasta também é filiado a uma família de cineastas marginais que escolheram exprimir-se na primeira pessoa do singular (assim como Philippe Garrel e Jonas Mekas).

Em 2009, o diretor ganhou importante retrospectiva de sua obra organizada pelo Centre George Pompidou, em Paris. Para o presidente do Centre Pompidou, Alain Seban, o cineasta é dono de uma obra “inventiva e divertida, que inspirou e estimulou artistas de todas tendências, de Jean-Luc Godard a Claire Dennis”.

Vivendo atualmente momento de celebração de sua carreira, Moullet viu recebida com entusiasmo uma caixa de DVDs reunindo seus primeiros oito longas-metragens lançada em 2007 na França e Estados Unidos.



SOBRE A RETROSPECTIVA

Uma realização do Centro Cultural Banco do Brasil, “Luc Moullet, Cinema de Contrabando” tem curadoria de Francisco Cesar Filho e Rafael Sampaio. O evento é uma produção da Klaxon Cultura Audiovisual e conta com apoio institucional da Embaixada da França no Brasil, do Consulado Geral da França no Rio de Janeiro e da Culturesfrance.



PROGRAMAÇÃO

01.02 [terça-feira]
------------------------------------
18h30
OBRA-PRIMA? (13´) – Luc Moullet
JEAN-LUC SEGUNDO LUC (7´) – Luc Moullet
O HOMEM DA RAVINA (55´) – Gerard Courant
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
BRIGITTE E BRIGITTE (75´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

02.02 [quarta-feira]
------------------------------------
16h30
FOIX (13´) – Luc Moullet
AS POLTRONAS DO CINE ALCAZAR (52´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
SEM TÍTULO (4´) – Luc Moullet
OS MINUTOS DE UM FAZEDOR DE FILMES (13´) – Luc Moullet
MINHA PRIMEIRA BRAÇADA (43´) – Luc Moullet
TENTATIVA DE ABERTURA (15´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
UMA AVENTURA DE BILLY THE KID (77´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

03.02 [quinta-feira]
------------------------------------
18h30
OS NÁUFRAGOS DA D17 (81´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
ANATOMIA DE UMA RELAÇÃO (82´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

04.02 [sexta-feira]
------------------------------------
16h30
OS NÁUFRAGOS DA D17 (81´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
UMA AVENTURA DE BILLY THE KID (77´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
SEM TÍTULO (4´) – Luc Moullet
OS MINUTOS DE UM FAZEDOR DE FILMES (13´) – Luc Moullet
MINHA PRIMEIRA BRAÇADA (43´) – Luc Moullet
TENTATIVA DE ABERTURA (15´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

05.02 [sábado]
------------------------------------
17h00
A ODISSÉIA DO 16/9 (11´) – Luc Moullet
LA SEPT SEGUNDO JEAN E LUC (13´) – Luc Moullet
O FANTASMA DE LONGSTAFF (20´) – Luc Moullet
A VALSA DA MÍDIA (27´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
GÊNESE DE UM REFEIÇÃO (117´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

06.02 [domingo]
------------------------------------
17h00
UMA AVENTURA DE BILLY THE KID (77´) – Luc Moullet
Classificação indicativa:14 anos

20h00
BRIGITTE E BRIGITTE (75´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

08.02 [terça-feira]
------------------------------------
18h30
TERRAS NEGRAS (19´) – Luc Moullet
O LITRO DE LEITE (13´) – Luc Moullet
ALGUMAS GOTAS A MAIS (6´) – Luc Moullet
UM BIFE PASSADO DO PONTO (19´) – Luc Moullet
CAPITO? (8´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
GÊNESE DE UM REFEIÇÃO (117´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

09.02 [quarta-feira]
------------------------------------
18h30
BRIGITTE E BRIGITTE (75´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
OBRA-PRIMA? (13´) – Luc Moullet
JEAN-LUC SEGUNDO LUC (7´) – Luc Moullet
O HOMEM DA RAVINA (55´) – Gerard Courant
Classificação indicativa: 14 anos

10.02 [quinta-feira]
------------------------------------
18h30
A TERRA DA LOUCURA (85´) –Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
TERRAS NEGRAS (19´) – Luc Moullet
O LITRO DE LEITE (13´) – Luc Moullet
ALGUMAS GOTAS A MAIS (6´) – Luc Moullet
UM BIFE PASSADO DO PONTO (19´) – Luc Moullet
CAPITO? (8´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

11.02 [sexta-feira]
------------------------------------
16h30
AERROPORRRTO DE ORRRRLY (6´) – Luc Moullet
EQUILÍBRIO E CEGUEIRA (5´) – Luc Moullet
TODOS NÓS SOMOS BARATAS (10´) – Luc Moullet
CADA VEZ MENOS (13´) – Luc Moullet
CADA VEZ MAIS (24´) – Luc Moullet
O IMPÉRIO DO TOTÓ (13´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
OBRA-PRIMA? (13´) – Luc Moullet
JEAN-LUC SEGUNDO LUC (7´) – Luc Moullet
O HOMEM DA RAVINA (55´) – Gerard Courant
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
A ODISSÉIA DO 16/9 (11´) – Luc Moullet
LA SEPT SEGUNDO JEAN E LUC (13´) – Luc Moullet
O FANTASMA DE LONGSTAFF (20´) – Luc Moullet
A VALSA DA MÍDIA (27´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

12.02 [sábado]
------------------------------------
20h00
ENCONTRO DE LUC MOULLET COM O PÚBLICO, seguido de exibição de:
VONTADE INDÔMITA (114´) – King Vidor
Classificação indicativa: 14 anos

13.02 [domingo]
------------------------------------
19h30
A TERRA DA LOUCURA (85´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

15.02 [terça-feira]
------------------------------------
18h30
ANATOMIA DE UMA RELAÇÃO (82´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
INTRODUÇÃO (8´) – Luc Moullet
O COMPLÔ DOS OURIÇOS (17´) – Luc Moullet
CATRACAS (14´) – Luc Moullet
IMPHY, CAPITAL DA FRANÇA (24´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

16.02 [quarta-feira]
------------------------------------
18h30
INTRODUÇÃO (8´) – Luc Moullet
O COMPLÔ DOS OURIÇOS (17´) – Luc Moullet
CATRACAS (14´) – Luc Moullet
IMPHY, CAPITAL DA FRANÇA (24´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
AERROPORRRTO DE ORRRRLY (6´) – Luc Moullet
EQUILÍBRIO E CEGUEIRA (5´) – Luc Moullet
TODOS NÓS SOMOS BARATAS (10´) – Luc Moullet
CADA VEZ MENOS (13´) – Luc Moullet
CADA VEZ MAIS (24´) – Luc Moullet
O IMPÉRIO DO TOTÓ (13´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

17.02 [quinta-feira]
------------------------------------
16h30
ANATOMIA DE UMA RELAÇÃO (82´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
AS CONTRABANDISTAS (80´) – Luc Moullet
Classificação indicative: 14 anos

20h00
PRESTÍGIO DA MORTE (75´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18.02 [sexta-feira]
------------------------------------
16h30
PRESTÍGIO DA MORTE (75´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
A COMÉDIA DO TRABALHO (88´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
PARPAILLON (84´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

19.02 [sábado]
------------------------------------
16h30
PARPAILLON (84´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

18h30
ANATOMIA DE UMA RELAÇÃO (82´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
OS HAVRES (12´) – Luc Moullet
O VENTRE DA AMÉRICA (25´) – Luc Moullet
O SISTEMA ZSYGMONDY (18´) – Luc Moullet
NO CAMPO DA HONRA (15´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20.02 [domingo]
------------------------------------
16h30
A COMÉDIA DO TRABALHO (88´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos

20h00
AS CONTRABANDISTAS (80´) – Luc Moullet
Classificação indicativa: 14 anos
compartilhe VOLTARSUBIR
 
Veja todos os eventos indicados pelo Rio&Cultura [clique aqui]
 

Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar o convite, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.


Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar a indicação, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.

Relação de eventos sugeridos
Pesquise no Rio&Cultura - by Google
 
EXPOSIÇÃO
destaque

rioecultura : EXPO Exposição de Percurso : Museu Casa de Benjamin Constant
Exposição de Percurso
Relação completa de Exposições
MATÉRIA
destaque

rioecultura : MATÉRIA Museu Marítimo do Brasil integrará o circuito cultural da orla portuária do Rio de Janeiro
Museu Marítimo do Brasil integrará o circuito cultural da orla portuária do Rio de Janeiro
Relação completa de Matérias

BIBLIOTECA
livro indicado

Livro: Rio de Janeiro, Século XIX - Cidade da Ópera
Editora: Garamond

Relação completa de Livros
ARTIGOS
destaque

rioecultura : ARTIGO Carioquinha 2015
Carioquinha 2015
Relação completa de Artigos
 
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura