rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
EXPOSIÇÃO
voltar para a página anterior
Emanoel Araujo. Autobriografica do Gesto|Cosmogonia dos Símbolos
rioecultura : EXPO Emanoel Araujo. Autobriografica do Gesto|Cosmogonia dos Símbolos : Museu Histórico Nacional (MHN)
ABERTURA:
15 de dezembro de 2010
ENCERRAMENTO:
13 de março de 2011
LOCAL:
Museu Histórico Nacional (MHN)
Praça Marechal Âncora, s/n
Centro
(21) 2550-9221
FUNCIONAMENTO:
De 3ª a 6ª feira, das 10h às 17h
Sábado, domingo e feriado, das 14h às 18h
INGRESSO:
exposições permanentes do museu:
R$10 [inteira]
R$5 [meia] para estudantes e maiores de 60 anos

Entrada franca aos domingos e para menores de 5 anos, funcionários do IPHAN, alunos e professores das escolas públicas do governo, maiores de 65 anos, guias de turismo e estudantes de museologia.

Em caso de exposições temporárias, consultar o valor do ingresso por exposição.
Atenção: os horários e a programação podem ser alterados pelo local sem aviso prévio. Por isso, é recomendável confirmar as informações por telefone antes de sair.
compartilhe  |  Comente |  Ler comentários   voltar para a página anterior  subir
 
A mostra revela a trajetória de um dos principais nomes da arte e da cultura brasileira. Aos 70 anos de idade, o idealizador e diretor-curador do Museu Afro Brasil (São Paulo) é reverenciado com esta exposição que apresenta a essência de um artista plural. Ele é escultor, pintor, gravador e designer gráfico. A abertura será no dia 15 de dezembro, às 19 horas, no Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro, umarealização do Instituto Brasileiro de Museus e Ministério da Cultura, com apoio da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e o patrocínio da Companhia Vale do Rio Doce.

rioecultura : EXPO Emanoel Araujo. Autobriografica do Gesto|Cosmogonia dos Símbolos

São 150 obras entre esculturas, gravuras, relevos, xilogravuras e ainda duas instalações: Autobiografia do Gesto e Cosmogonia dos Símbolos. São trabalhos tridimensionais, em relevo e com uma linguagem geométrica marcante. Na composição desta trajetória, a exposição também apresenta publicações biográficas, cartazes, livros, programas e convites desenhados por Emanoel Araujo. Além disso, registros de seu caminho como homem de cultura, com curador de importantes mostras e como dirigente de instituições culturais, entre elas o Museu de Arte da Bahia e Pinacoteca do Estado de São Paulo (1992/2002); culminando como o grande mentor do Museu Afro Brasil.

A Autobiografia do Gesto reflete a produção vigorosa do artista resultando nos relevos e esculturas estruturadas sob um geometrismo rico em cor e forma. A Cosmogonia, que em 2007 foi exposta no Instituto Tomie Ohtake (SP), se destaca pela representação desímbolos de divindades africanas, em materiais pertencentes à ornamentação de cerimônias religiosas e festejos populares. Oprecioso acabamento de sua marcenaria, herança das lições recebidas já na infância com o mestre Eufrásio Vargas, em Santo Amaro da Purificação, na Bahia, mistura-se a fragmentos de madeira torneados do século XVIII e XIX, e a outros materiais como vidro, ferro, onde a cor pode surgir na madeira pintada ou potencializada.

A exposição inclui duas “estantes”, Louise Nevelson, dedicado à artista russa radicada nos Estados Unidos. Louise com sua obra gigantesca encantou Emanoel Araujo, no inicio dos anos 70, quando de sua primeira viagem aos EUA. “Ela resumia com uma enorme síntese um sentimento profundamente barroco, e ao mesmo tempo, uma ancestralidade tribal dava à escultura da senhora Nevelson certa agudeza de percepção da arte negra no que ela tem de mais reducionista e totêmica, pela repetição e empilhamento”, disse Emanoel. As estantes são concebidas em fragmentos de madeira torneada de grades, pés de cadeiras, de corrimão, escadas, entre outros. Uma apresentação de múltiplas linguagens.
compartilhe  |  Comente |  Ler comentários   voltar para a página anterior  subir
 
Relação de Exposições Temporárias
Relação de Exposições de Longa Duração

EXPOSIÇÕES Encerradas

Desde outubro de 2008 várias exposições passaram pelo Rio&Cultura. Você pode conferir a lista de exposições que saíram de cartaz, mas permanecem registradas.
EXPOSIÇÕES
Busca
[por Nome de Exposição]
[por Data de Encerramento]
[por Local]
[por Bairro]
Divulgue

Seu nome:
Comentário:


Seja o primeiro a comentar!
Escreva ao lado sua opinião.

Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar o convite, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.


Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar a indicação, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.

  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura