rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
EXPOSIÇÃO
voltar para a página anterior
Cerâmica tradicional de Cascavel
rioecultura : EXPO Cerâmica tradicional de Cascavel : Sala do Artista Popular - Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular (CNFCP)
ABERTURA:
2 de junho de 2016
ENCERRAMENTO:
10 de julho de 2016
LOCAL:
Sala do Artista Popular - Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular (CNFCP)
Rua do Catete, 179 e 181
Catete
(21) 2285-2545
FUNCIONAMENTO:
de 3ª a 6ª feira, das 11h às 18h
Sábados, domingos e feriados, das 15h às 18h
INGRESSO:
Entrada Franca
Atenção: os horários e a programação podem ser alterados pelo local sem aviso prévio. Por isso, é recomendável confirmar as informações por telefone antes de sair.
compartilhe  |  Comente |  Ler comentários   voltar para a página anterior  subir
 
Louças decorativas e utilitárias, como moringas, cofres, potes, assadeiras e panelas, além das figuras antropomorfas que aos poucos vão se juntando à tradição, e mostram que a cerâmica se reinventa e se renova em Moita Redonda, localidade do município de Cascavel, a 60km de Fortaleza, no Ceará, poderão ser conferidas na exposição Cerâmica tradicional de Cascavel, a partir do dia 2 de junho, na Sala do Artista Popular.

A atividade oleira está de tal forma entranhada no dia a dia dos cerca de 800 habitantes de Moita Redonda (CENSO, 2010) que grande parte dos moradores usa a própria casa como ateliê para produção de cerâmica. É lá que ocorrem os processos de armazenagem, tratamento, modelagem, pintura e queima do barro, adquirido nas várzeas dos rios Choró e Mal Cozinhado. De modelagem manual, as peças geralmente recebem coloração avermelhada e desenhos de motivos variados na cor branca, feitos à mão livre ou a partir de moldes, mas também são produzidas in natura, sem qualquer tipo de coloração. O repertório de desenhos bebe no cotidiano da comunidade, e hoje alguns padrões de rendas locais são utilizados como inspiração.

A origem da atividade oleira se perde no tempo; alguns artesãos dizem que seus avós já faziam, de modo que não sabem precisar quando começou. Especula-se também que a principal atividade econômica do local tenha surgido do contato entre os povos indígenas que viviam na região e os primeiros colonos.

Vale lembrar que todos os objetos expostos estarão à venda, podendo ser adquiridos e retirados pelo comprador após o término da mostra.
compartilhe  |  Comente |  Ler comentários   voltar para a página anterior  subir
 
Relação de Exposições Temporárias
Relação de Exposições de Longa Duração

EXPOSIÇÕES Encerradas

Desde outubro de 2008 várias exposições passaram pelo Rio&Cultura. Você pode conferir a lista de exposições que saíram de cartaz, mas permanecem registradas.
EXPOSIÇÕES
Busca
[por Nome de Exposição]
[por Data de Encerramento]
[por Local]
[por Bairro]
Divulgue

Seu nome:
Comentário:


Seja o primeiro a comentar!
Escreva ao lado sua opinião.

Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar o convite, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.


Dados do(a) amigo(a):
Nome:
E-mail:
Mensagem para o(a) amigo(a):
Seus dados:
Seu nome:
Seu e-mail:
ATENÇÃO
Antes de efetuar a indicação, verifique se todos os campos estão preenchidos corretamente.

  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura