rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
ESPAÇOS DE CULTURA
esse é o local que você escolheu
VOLTAR
[Biblioteca]
Arquivo-Museu de Literatura Brasileira (AMLB)

Endereço:
Rua São Clemente, 134 - 3º andar
Botafogo - Rio de Janeiro / RJ
CEP 22260-000
Telefone:
(21) 3289-4668.
website:
www.casaruibarbosa.
gov.br
Funcionamento:
Museu fechado - visitação apenas por agendamento.
Ingresso:
Entrada franca
EM BREVE DISPONIBILIZAREMOS O MAPA.
compartilhe
- NENHUMA EXPOSIÇÃO EM CARTAZ


- NÃO HÁ AGENDA DE EVENTOS
UM POUCO DA HISTÓRIA
Pertencente à Fundação Casa de Rui Barbosa, o museu tem como missão guardar documentos relativos à Literatura Brasileira, oriundos de doações de arquivos privados de escritores brasileiros e de documentos a eles relacionados. Estão arrolados como documentos os objetos entregues junto com os arquivos propriamente ditos.

Um pouco sobre a história
Era um velho sonho de Carlos Drummond de Andrade, que por mais de uma vez manifestou em suas crônicas o desejo de que no Brasil se fundasse um centro, que tivesse como objetivo primordial a preservação da nossa literatura. O sonho tornou-se realidade. Em 28 de dezembro de 1972, a Fundação Casa de Rui Barbosa instalou em sua sede um velho casarão da Rua São Clemente, o Arquivo-Museu de Literatura, inaugurado com a Exposição Camoniana, comemorativa do quarto centenário de Os Lusíadas e com uma amostra de aproximadamente cem documentos do arquivo recém - criado. Plínio Doyle fez um apelo aos escritores: “Para evitar que se perca ou se disperse a preciosa documentação da nossa história literária, mandem para a Casa de Rui Barbosa todo tipo de material que sirva à nossa finalidade específica”. O apelo foi rapidamente atendido e com apenas 15 dias de existência o arquivo já tinha recebido mais de 500 peças. E, em 4 de junho de 1974, a Casa de Rui Barbosa inaugurou a exposição Memória Literária, comemorativa do recebimento da milésima peça, que foi doada por Plínio Doyle. Mas, logo o “arquivo-museu menino” começou a ganhar credibilidade, cresceu e firmou-se como um centro respeitável e sério, com o seu trabalho reconhecido tanto no Brasil, como no exterior. Assim as peças não mais chegavam isoladamente. Recebíamos agora arquivos inteiros ou complementação de material já doado. Em 1978 o AMLB transferiu-se para o edifício anexo da FCRB.

Um pouco sobre acervo
O acervo museológico que integra o Arquivo-Museu de Literatura Brasileira é composto por cerca de 1.470 peças de natureza diversa. São móveis, quadros, máquinas de escrever, canetas, medalhas, selos, lembranças de viagens, peças de indumentária, esculturas, pinturas, caixas de música e muitos outros objetos, formando uma coleção heterogênea, que tem um único denominador comum: terem pertencido a nossos escritores, ou estarem a eles relacionados. Por seu valor intrínseco, esses objetos justificam sua incorporação ao AMLB como documentos enriquecedores da compreensão, pontos de referência e fontes para a reflexão indispensável à recomposição do mundo, ficcional e não ficcional, bem como para o conhecimento da personalidade de seus possuidores. O acervo museológico do AMLB é constituído por objetos, na maior parte de uso pessoal, homenagens ou artes plásticas que acompanharam os arquivos pessoais doados por escritores brasileiros. Esses objetos estão inventariados e mantidos em reserva, sem que tenham sido registrados, catalogados e estudados. Não há um circuito de visitação constituído. As visitas, por esse motivo devem ser previamente agendadas. Não há museografia, etiquetas e catálogo próprio da parte museológica.

Pesquise no Rio&Cultura - by Google

ESPAÇOS DE CULTURA
relação de locais culturais

  Museus
  Centros Culturais
  Galerias de Arte
  Igrejas Históricas
  Parque e Jardins
  Patrimônio Histórico
  Bibliotecas
  Cinemas Cuturais
  Teatros
  Mapa de pontos culturais
EXPOSIÇÃO
destaque

rioecultura : EXPO Exposição de Percurso : Museu Casa de Benjamin Constant
Exposição de Percurso
Relação completa de Exposições
Divulgue
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura