rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
ESPAÇOS DE CULTURA
esse é o local que você escolheu
VOLTAR
[Museu]
Museu do Índio

Endereço:
Rua das Palmeiras, 55
Botafogo - Rio de Janeiro / RJ
CEP 22270-070
Telefone:
(21) 3214-8702/ (21) 3214-8705
website:
www.museudoindio.org.br
Funcionamento:
De 3ª a 6ª feira, das 9h às 17h30min
Sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h.
Nos finais de semana, além das áreas de exposição, apenas a loja permanece aberta.
Ingresso:
R$3 (de 3ª feira a sábado)
Aos domingos, a visitação é gratuita.
Estudantes da rede pública e pessoas acima de 65 anos têm entrada franca.
compartilhe
- NENHUMA EXPOSIÇÃO EM CARTAZ


- NÃO HÁ AGENDA DE EVENTOS
UM POUCO DA HISTÓRIA
A preservação das tradições indígenas e o respeito pela diversidade étnica são elementos essenciais para a afirmação da cultura de cada um dos 270 grupos que vivem hoje no Brasil. São aproximadamente 370 mil índios que falam cerca de 180 línguas. Mais do que abrigar, o Museu do Índio visa conservar, pesquisar e comunicar o seu acervo. Possui um acervo relativo à maioria das sociedades indígenas contemporâneas com aproximadamente 16 mil peças etnográficas.

O museu tem como missão resguardar, sob o ponto de vista material e científico, as manifestações culturais representativas da história e tradições das populações étnicas indígenas brasileiras e divulgar estudos e investigações sobre as sociedades indígenas. (Estatuto da Fundação Nacional do Índio, Capitulo IV, Art. 20).

Um pouco sobre a história
O Museu do Índio foi criado em 1953, no âmbito da Seção de Estudos do antigo Serviço de Proteção aos Índios – SPI, para divulgar uma imagem correta, atualizada e sem preconceitos sobre os povos indígenas brasileiros. Em 1963, o Decreto nº 52.665 determinou que o Museu do Índio passasse a se constituir num setor da Seção de Documentação do CNPI. Em 1967, tornou-se órgão da Fundação Nacional do Índio – FUNAI, adequando-se à reforma administrativa feita no país e que determinou o agrupamento de todos os órgãos relacionados à questão indígena.

Um pouco sobre acervo
O acervo do Museu do Índio é formado pela documentação produzida e reunida pelas instituições federais responsáveis pela questão indígena no Brasil. Da Comissão Rondon de 1890 a 1930, o Museu do Índio reúne documentos textuais e imagéticos. Do Serviço de Proteção aos Índios – SPI de 1910 a 1967 e do Conselho Nacional de Proteção aos Índios – CNPI em 1939, a instituição reuniu a cultura material de diversos grupos indígenas do Brasil, os documentos textuais, imagéticos e sonoros produzidos e/ou recolhidos durante as atividades da Seção de Estudos do SPI e publicações. O Museu do Índio preserva ainda algumas coleções particulares doadas à instituição por antropólogos, etnólogos e outros ligados à questão indígena.

EXPOSIÇÃO EM MEMÓRIA
[o que passou por aqui e não está mais em cartaz]
Ashaninka – Retratos
Pesquise no Rio&Cultura - by Google

ESPAÇOS DE CULTURA
relação de locais culturais

  Museus
  Centros Culturais
  Galerias de Arte
  Igrejas Históricas
  Parque e Jardins
  Patrimônio Histórico
  Bibliotecas
  Cinemas Cuturais
  Teatros
  Mapa de pontos culturais
EXPOSIÇÃO
destaque

rioecultura : EXPO Exposição de Percurso : Museu Casa de Benjamin Constant
Exposição de Percurso
Relação completa de Exposições
Divulgue
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura