rioecultura rioecultura
Facebook Twitter Pinterest Picasa Instagram
EXPOSIÇÕES EVENTOS LOCAIS CULTURAIS COLUNISTAS ARTIGOS MATÉRIAS NOTÍCIAS INSTITUCIONAL COLABORADORES CONTATO
TRANSLATE THIS WEBSITE
Espaços de cultura
VOLTAR
O que é Patrimônio Histórico?
No seu conceito básico, Patrimônio Histórico refere-se a um bem móvel, imóvel ou natural, que possua valor significativo para uma sociedade, podendo ser estético, artístico, documental, científico, social, espiritual ou ecológico.

A preservação do patrimônio histórico teve início como atividades sistemáticas no século XIX, após a Revolução Francesa e a Revolução Industrial, inicialmente para restaurar os Monumentos e Edifícios Históricos destruídos na guerra. O arquiteto francês Eugène Viollet-le-Duc elaborou os primeiros conceitos para a preservação e restauração de patrimônio edificado, tornando-se referência teórica na Europa e no Mundo. Outros pensadores como o o crítico de arte inglês John Ruskin e o arquiteto italiano Camillo Boito elaboraram teorias importantes no processo de preservação e restauração, embora conflitantes.

Hoje existem diretrizes para a conservação, manutenção e restauração do patrimônio cultural, expressas em Cartas Patrimoniais e propagadas por orgãos internacionais e instituições acadêmicas.

O que é o IPHAN?

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) é uma autarquia do Governo do Brasil, vinculado ao Ministério da Cultura, responsável pela preservação do acervo patrimonial, tangível e intangível, do país.

A criação do organismo federal de proteção ao patrimônio, em 13 de janeiro de 1937, chamado na época de SPHAN, foi confiada a intelectuais e artistas brasileiros ligados ao movimento modernista. Era o início do despertar de uma vontade que datava do século XVII em proteger os monumentos históricos.

A criação da Instituição obedece a um princípio normativo, atualmente contemplado pelo artigo 216 da Constituição da República Federativa do Brasil, que define patrimônio cultural a partir de suas formas de expressão; de seus modos de criar, fazer e viver; das criações científicas, artísticas e tecnológicas; das obras, objetos, documentos, edificações e demais espaços destinados às manifestações artístico-culturais; e dos conjuntos urbanos e sítios de valor histórico, paisagístico, artístico, arqueológico, paleontológico, ecológico e científico.

A Constituição também estabelece que cabe ao poder público, com o apoio da comunidade, a proteção, preservação e gestão do patrimônio histórico e artístico do país.

Mais informações sobre a história do IPHAN, clique aqui.

- Cronologia do Patrimônio Histórico no Brasil
- Primeiros tombamentos realizados pelo IPHAN
- O que é "Bens Tombados"?
- O que é "Patrimônio Cultural"?
Pesquise no Rio&Cultura - by Google
ESPAÇOS DE CULTURA
relação de locais culturais

  Museus
  Centros Culturais
  Galerias de Arte
  Igrejas Históricas
  Parque e Jardins
  Patrimônio Histórico
  Bibliotecas
  Cinemas Cuturais
  Teatros
  Mapa de pontos culturais
EVENTOS
destaque

Relação completa de Eventos
cadastre-se Divulgue

EXPOSIÇÃO
destaque

rioecultura : EXPO Daqui pra frente – Arte contemporânea em Angola : CAIXA Cultural Rio <br>[Unidade Almirante Barroso]
Daqui pra frente – Arte contemporânea em Angola
Relação completa de Exposições
MATÉRIA
destaque

rioecultura : MATÉRIA 3º Festival Internacional de Circo do Rio de Janeiro
3º Festival Internacional de Circo do Rio de Janeiro
Relação completa de Matérias
 
  voltarsubir
© Copyright 2008-2013 Rio&Cultura
SIMETRIA Arte e Comunicação desenvolve este site

Clicky Web Analytics
Rio&Cultura